segunda-feira, maio 21

Lixo em trilho pedestre

É incrível os quilómetros que algumas pessoas fazem para fazer lixo.

Este depósito de entulho foi observado a meio do trilho da Lagoinha, um dos poucos trilhos oficiais do turismo na ilha Terceira.


3 Comments:

At 21/5/07 17:49, Anonymous filipe said...

É incrível, pois já conheço este trilho à quase 10 anos e este mesmo local sempre esteve desta maneira.
Quem faz isto é mesmo burro, gastar tanto combustível para chegar aqui, qd o q basta é um telefonema para as juntas ou câmaras... até há sítios onde pedem entulho! Enfim fico triste por existir este tipo de gente na minha terra, terra esta que tb é de quem polui!!!

 
At 24/5/07 15:22, Anonymous cesar said...

Realmente é uma tristeza ver que ainda existem pessoas a fazer este tipo de serviço... Não haja duvidas que um acto destes só se pode chamar de "burrice"!

 
At 16/11/07 17:20, Blogger MOX said...

Já não é de agora que se vêm coisas dessas! INFELIZMENTE!
Não foi à muito tempo atrás que decidi ir fazer o trilho da lagoinha, numa bela tarde de domingo, e pouco acima da zona onde se encontra esse entulho havia uma zona com um odor um tanto ou quanto incomodativo...eu não vi nada porque se tratava de um lugar coberto de vegetação e com muitas silvas, e também porque o cheiro não permitia estar lá parado por muito tempo, mas cheirava nada mais nada menos do que a carne putrefacta!!!
E então pensei: Hummm?!? No meio da vegetação um cheiro daqueles??? A menos que alguma árvore a apodrecer tivesse ganho, por mutação divinal, características animais, tratava-se de um animal atirado para a ribeira, tal qual aterro sanitário!

Quem faz este tipo de barbaridades devia pelo menos acampar um mês ao lado do animal morto, caso ele não se fosse sentir abandonado, que era para que posteriormente se lembrasse bem do momento, do cheiro, e da estupidez que é um comportamento desses!!!

Sou capaz de vos indicar mais uns dois ou três lugares a 2 ou 3km da lagoinha onde se passa o mesmo...são mini lixeiras...mini caixinhas de pandora...

Que Deus vos perdoe, porque eu cá não sou capaz!

 

Enviar um comentário

<< Home