quinta-feira, abril 5

Entre a casa e o ilhéu, quem é a bela e quem é o monstro??




Estas fotos foram enviadas por um visitante do blog que gostaria que as mesmas fossem discutidas aqui.

Participem também, enviando as vossas fotos para o email da Gê-Questa, sugerindo o respectivo título.
O email da Gê-Questa é gequesta@gmail.com

19 Comments:

At 10/4/07 12:59, Anonymous José Fagundes said...

Na minha opinião a casa tem uma localização péssima, eu cá não queria viver ali por mais que me pagassem, a casa tem uma vista única mas a ressalga para além de danificar os elementos estruturais da moradia em dois tempos é o dia a dia de quem lá vive durante todo o Inverno.
Fico mesmo triste é que os ilhéus vivam para ali esquecidos sobretudo pelos agentes locais ligados ao turismo, sei que vivemos numa terra pobre mas aquele ilhéu tem um potencial incrível, podiam ser lá construídas infra-estruturas que tornavam aquele sitio único, tais como a criação de uma zona balnear com um cais em condições para receber embarcações de recreio quer de pequeno quer de médio porte, criação de acessos aos ilhéus e ás grutas com as devidas condições de segurança (guardas de protecção), parques de merendas, um hotel para que pretendesse lá pernoitar e quem sabe até um campo de golfe.
Creio que com a construção de uma pequena marina de apoio na zona da serretinha (poças) este projecto tinha pernas para andar e ia tornar esta bonita zona numa verdadeira Vilamoura Açoriana.

 
At 10/4/07 16:31, Anonymous AnarkAtaska said...

Ora aqui está, eis um indivíduo com visão empresarial. É desta gente que a nossa gente precesa. Um campo de golfe é que era! 3 buracos nos ilhéus, 4 no Porto Judeu de baixo e os restantes no Porto Judeu de cima.

Discordo no entanto do seguinte:

1) A ressalga não danifica os elementos estruturais em dois tempos, porque os elementos são realizados em batão. Em 3 ou 4 talvez.

2) Porquê parar nas embarcações de médio porte, caro colega bloguer. Grande porte - quais Queens Elisabétes - seriam o ideal. Ainda sobre este assunto, deveria de haver uns estabelecimentos de restauração e bares de apoio aos turistas com bebidas e comidas regionais. (Vinho de cheiro e morcela e/ou linguiça com inhame)

 
At 10/4/07 19:04, Anonymous josé fagundes said...

Caro anarkataska, é a tua opinião, creio que é tão válida quanto a minha...
Em relação ao "Batão", sabe tão bem como eu(ou pelo menos deveria saber) que este em obra leva uma armação metálica, e essa não sei se dura assim tanto. Enquanto o betão por si só resiste aos esforços de compressão o betão armado resiste também a esforços de tracção.

 
At 11/4/07 20:00, Blogger Philomela said...

Que bonito! Uma Vilamoura! E com ela o resto do Algarve, já agora... Sim senhor!
Pior que o cinto apertado do portugueses é a cinta de betão que trazem no "miôlo"! Até dá vontade de grasnar...quá-quá-quá!

 
At 11/4/07 20:05, Blogger Philomela said...

...já agora, para quando uma foto da baía de Angra e zonas limítrofes?!

 
At 13/4/07 12:29, Anonymous carlos Ribeiro said...

Se o preço for bom, compro-a já (claro se não estiver embargada). Ando à alguns anos atrás dela, se souberem quem é o dono digam-me por favor. e-mail: carlos.ribeiro68@gmail.com

 
At 13/4/07 14:58, Anonymous Milhafre007 said...

Essa casa deveria ser demolida imediatamente!
É uma autêntica aberração!
Isso é estragar o que de mais bonito temos nos Açores.... que é a nossa natureza.
Os nossos governantes deveriam tomar juízo!!! Como é possível autorizar a construção de uma casa num sitio destes!!!!
Certamente deve ser propriedade de algum "Senhor" ligado aos poderes autárquicos.............

 
At 13/4/07 16:11, Anonymous Pedro Botelho said...

A vista é belíssima ,
não à o que discutir , mas a casa...tem um quê de "familia Adams...." ,sei não ....no inverno então ,nem se fala ...
abraços a todos
Pedro

 
At 13/4/07 19:57, Anonymous Anónimo said...

Estao todos malucos!?!?!?
1)O ilhéu alem de ser uma zona protegida porque diversas aves migratórias constroem la os seus ninhos
2)Era uma estupidez pegada se construissem alguma infra-estrutura lá!
Falam que a casa "destrói" a paisagem e voçês queriam destruir um ilhéu para satisfazer a vossa "luxúria". Francamente,tenham juízo!

 
At 20/4/07 13:36, Anonymous Sergio Avila said...

Creio que teremos de potenciar as qualidades paisagisticas e naturais dos ilheus das cabras de forma a desenvolver economicamente o tecido social do binómio Porto Judeu/Feteira/São Sebastião, criando um tecnopolo de desenvolvimento que irá funcionar como catalisador da economia local cujos habitantes serão claramente beneficiados. A construção de equipamentos no lugar dos ilheus das cabras irá promover o nome dos açores no mundo e desenvolver a identidade cabrense, co-adjuvando na melhoria das condições de vida dos cabrenses em geral. Por isso, meu lema: Abaixo o cagarro, viva o turista. Viva os Açores, vivam os cabrenses!

 
At 23/4/07 12:42, Anonymous Anónimo said...

Façam-se mais aberrações, tais como aquelas casas sem jeito nenhum na serretinha (coitado do arquitecto, deve ter tirado o curso na mesma universidade do sócrates. Construam-se mais hoteis à beira-mar cor de rosa às bolinhas amarelas, e de preferência tapem a vista a tudo o que é paisagísticamente bonito. Uma sugestão acho que a ilha ia precisar de um hotel no topo do Monte Brasil, já viram os turistas que iam atrair? Outra questão, para onde vão os esgotos dos ditos hoteis? - Devem servir de tempero concerteza para os futuros peixes - Humm Bom não é?

 
At 23/4/07 17:06, Anonymous Anónimo said...

Coitados dos arquitectos qual quê, tanto eles como os empreiteiros e os pintores,etc...etc... Fazem aquilo apenas aquilo que os clientes lhes pedem, o problema está no poder politico que tudo aprova, devem ser criados mecanismos de protecção eficazes, são todos como o outro (incluindo os quêstas) falam falam... Não os vejo a fazer nada!

 
At 24/4/07 15:44, Anonymous José Eleutério Pereira said...

Eu acho que a casa até tá bonita, mas precisa de ser pintada porque deixem os senhores dotores e engenherios fazer casas em todos os lados e depois nao as pintem.
Deviam ser multados pelas camaras para pintarem de cores regionais, azul e janelas vermelhas e o telhado devia de ser em telha de canude. è uma vergonha e estraga a vista da paisagem e impacta muito.

 
At 22/7/07 20:14, Anonymous Anónimo said...

coitada da casa!!! mas ao menos ela não está só nesta batalha, tem as suas queridas amigas vizinhas iguais ou maiores que ela, prontinhas para a acção, algumas já pintadas e tudo!!! e se for preciso ela pode pedir ajuda ao ao grandioso hotel que está sendo construído ali ao lado, na tem campo de golfe mas tem piscinas e se calhar até um porto privado!! ela na está sozinha nesta batalha do ornamento do território, tem muitos amigos prontos para a acção!!! cuidado ilhéu mais uns dias e tens um heliporto loolololol

 
At 23/7/07 03:02, Anonymous Anónimo said...

pra kê construir num calhau se existem bastantes cerrados???? gente rica ca maia das grandezas e ponto final.

 
At 28/8/07 11:02, Anonymous Olga said...

gostei mt dos comentários... mas...José Eleutério Pereira, onde aprendeste a escrever pah?? :| eles deixem? dps nao as pintem? impacta mt? soa 1 bokadito mal... tb deveria de haver um blog a discutir os erros ortográficos k os portugueses cometem...

 
At 3/1/08 13:57, Anonymous José Eleutério Pereira said...

Olga, a KritiKar os meus erroX ortográfiKos deXa forma não vaiX longe, não.
Sem mais comentários.

 
At 18/4/08 12:03, Blogger RMartins said...

Sérgio Ávila vives no mundo da lua?? "A construção de equipamentos no lugar dos ilheus das cabras irá promover o nome dos açores no mundo e desenvolver a identidade cabrense"
Internem este gajo JÁ

 
At 12/2/09 16:50, Anonymous Bota que tem said...

Para vossa informação essa casa foi contruída sem aprovação da camâra municipal, pior ainda ilegalmente... foi preciso os fiscais da camâra municpal e obras públicas passarem por lá num dia de não ter patavina para fazer e lembrarem-se de embargar a obra, nao fizeram mais que a sua obrigação.

 

Enviar um comentário

<< Home